Ball e Instituto Alpha Lumen promovem torneio de sustentabilidade no Brasil

    A grande parte dos estados brasileiros não possuem climas extremos e oferece riqueza natural de florestas, água doce, solo bastante fértil e uma diversidade maravilhosa de animais. O Brasil tem potencial e recursos para realizar trabalhos sustentáveis e o mais indicado é o diálogo que inicia com o reaproveitamento dos resíduos sólidos para fonte de matéria prima.

    Assim, o ideal é que se tenha uma economia mais circular com uma menor demanda por recursos ambientais. E, para conscientizar crianças e jovens, o Instituto Alpha Lumen e a Ball Corporation se uniram no 1º Torneio Brasileiro de Sustentabilidade. O foco é o uso e o esgotamento dos recursos naturais, a produção de resíduos, o consumo de energia entre outros temas.

    Com inscrições abertas até 21 de Outubro, o objetivo do projeto é conscientizar os jovens, as crianças e as suas comunidades sobre sustentabilidade ambiental, buscando soluções criativas para aperfeiçoar o ciclo da reciclagem como um todo, desde a qualidade de vida dos trabalhadores que atuam nesse ramo até inovações nos processos em si.

    O desafio dos participantes será propor melhorias na cadeia que impactem positivamente as comunidades de trabalhadores, as empresas e a sociedade como um todo, desde a coleta devida dos materiais, passando pelo descarte adequado até a reutilização ou reciclagem. Os projetos deverão considerar temas como o reaproveitamento dos resíduos sólidos, o consumo de energia e a economia circular, entre outros.

    Nuricel Villalonga Aguilera, fundadora do Instituto Alpha Lumen, explica:

    É por meio de processos educativos como o Torneio Brasileiro de Sustentabilidade que conseguimos transformar de modo definitivo a perspectiva dos estudantes em relação ao cuidado necessário com os recursos naturais do nosso planeta. Nosso torneio é um modo instigante e motivador de trabalharmos esse tema”.

    E a Thaís Moraes, Diretora de Comunicação da Ball América do Sul, acrescenta:

    Na Ball, os pilares Educação e Reciclagem guiam todas as nossas ações de responsabilidade social. Ficamos orgulhosos por patrocinar este projeto, pois sabemos que estamos conscientizando crianças, jovens e, por consequência, seus familiares, gerando uma grande rede de consumidores mais conscientes. Além disso, queremos promover soluções que irão realizar melhorias na cadeia e valorização dos profissionais que atuam nela – os verdadeiros agentes ambientais deste ciclo”.

    Mais detalhes sobre o funcionamento do 1º Torneio Brasileiro de Sustentabilidade – TBS

    O torneio está aberto para estudantes brasileiros, de países onde o português é a língua oficial e de comunidades brasileiras fora do Brasil. Estudantes do 3º ano do Ensino Fundamental até universitários estarão divididos em cinco grupos, cada qual com desafios adequados às idades dos participantes. Cada indivíduo ou equipe poderá inscrever apenas um projeto, que obrigatoriamente deve ser orientado por um professor, exceto os universitários, que podem optar ou não pela orientação.

    Para as crianças do 3º ao 5º ano do Ensino Fundamental I, o torneio propõe a criação de um desenho para sensibilização sobre a importância que o meio ambiente deve ter para a sociedade.

    O grupo que vai do 6º ao 8º ano do Fundamental II deve propor uma ação pontual que aumente a quantidade de materiais descartados corretamente em casa ou na comunidade e uma campanha em vídeo.

    A turma de 9º ano e Técnico Profissionalizante, o desafio será propor e implementar soluções efetivas sobre como atuar sobre os resíduos, separação, classificação ou como esses resíduos são transitados ou ainda idealizar ações de valorização dos profissionais da cadeira da reciclagem, estrutura de identidade, e superação de vida.

    Já os universitários devem solucionar um problema recorrente, vivenciado ao longo dos processos da cadeia. O projeto deverá ser aplicado junto às cooperativas de catadores de materiais recicláveis locais. Também podem optar por soluções para a reciclagem de latas de alumínio ou apresentar uma iniciativa pré-existente, já implementada entre 2019 e 2020.

    Sobre a Premiação e Resultados

    Para os  projetos vencedores, estudantes e professores orientadores receberão certificados, troféus e prêmios que vão desde tablets e laptops a prêmios em dinheiro com incentivos de 2 a 10 mil reais.

    O resultado final será divulgado no dia 12 de novembro.


    Fonte: Instituto Alpha Lumen / Jornalismo Colaborativo

    Tags:

    VEJA TAMBÉM

    Vantagens de ser um poliglota

    Ser poliglota é possuir a capacidade de entender e falar outros idiomas. Essa capacidade ...

    Festival em Campos

    Lista dos Bolsistas da 43a Edição do Festival de Campos do Jordão 2012! O ...

    VPN For Torrenting – For what reason It Works

    A VPN or Online Private Network is mostly a method of blocking web traffic ...

    As crianças merecem conhecer o mundo desde cedo

    Falar com fluência em inglês é indispensável em nossos  territórios sem fronteiras.  Ter a ...

    Ganhe mais em qualquer lugar com o Inglês Avançado

    Sem dúvidas, saber se comunicar em inglês pode ser decisivo para sua vida pessoal, ...