gps mapa

    Se antes os telefones celulares serviam apenas para fazer ligações, hoje eles oferecem possibilidades infinitas. Tantas são elas que nossos celulares substituíram vários outros dispositivos que carregávamos conosco, como relógios, câmeras fotográficas e agendas.

    Agora, com a popularização de aplicativos, nossos telefones se tornaram tão multifuncionais que outros dispositivos estão perdendo sua utilidade, como o GPS. É fácil encontrar motoristas de táxi ou Uber utilizando seus telefones no lugar de um aparelho de GPS, mas será que essa é a melhor escolha?

    Para descobrir isso conversamos com Danilo Vasconcelos, CEO da Dinamicar Pneus, manutenção automotiva no Rio de Janeiro.

    GPS ou Aplicativos

    Pela praticidade, não há dúvidas de que é bem mais fácil usar um aplicativo no celular do que carregar mais um aparelho, mas Danilo faz uma ressalva. “Os aplicativos consomem muita bateria utilizando os aplicativos de GPS. Então, se você pretende fazer uma viagem longa, precisa ter como carregar o celular dentro do carro” .

    O valor também não deixa dúvidas: muitos apps são gratuitos e oferecem um ótimo serviço, mas às vezes o barato pode sair caro. Para utilizar os apps é preciso ter acesso a uma rede de dados, o que significa que, em lugares onde o sinal da sua operadora é mais fraco, o aplicativo pode parar. Apesar disso, uma vantagem dos aplicativos é mostrar o trânsito em tempo real, ajudando o motorista a fugir de engarrafamentos.

    “Se você costuma dirigir em cidades, eu acho que apps são uma boa escolha. Mas se você tem o costume de ir a lugares menos povoados, talvez seja melhor optar pelo bom e velho GPS” ressalta Danilo.

    Waze ou Google Maps

    Os dois aplicativos mais usados para substituir o GPS são o Waze e o Google Maps, mas qual deles oferece o melhor serviço?

    Os dois oferecem o mesmo nível de precisão. A principal diferença é que no Google Maps você poder traçar sua rota em outros meios de transporte e até mesmo a pé, enquanto no Waze isso não é possível. Além disso, o Google Maps também possibilita ao usuário ver o seu local de destino por visão de satélite.

    Por outro lado, o Waze é mais eficiente se o que você quer é saber condições de trânsito em tempo real, pois são os próprios usuários que acrescentam as informações. O Waze também permite a criação de um perfil, sendo mais útil principalmente para quem costuma viajar em grupo.

    Veredito

    No final, como Danilo ressaltou, a escolha vai depender do seu uso. O GPS ainda é melhor para quem dirige por regiões menos populosas, e os apps são ótimos para quem quer rodar por uma cidade grande. A escolha por um aplicativo também depende do que você deseja: o Google Maps, como o próprio nome já diz, é um ótimo mapa, enquanto o Waze é muito bom para consultar o trânsito.

    VEJA TAMBÉM

    Manual da Chef Anouk para enfrentar a crise

    “Empatia! É a palavra de ordem para esse período!”, é uma das seis dicas ...

    O Frade e a Freira

    Frade e Freira é o conjunto de dois rochedos, que se defrontam, num mesmo ...

    Vantagens de ser um poliglota

    Ser poliglota é possuir a capacidade de entender e falar outros idiomas. Essa capacidade ...

    Conheça o Vila Tertúlia e concorra a uma diária incrível em Gonçalves

    A promoção é uma iniciativa do empreendimento imobiliário Vila Tertúlia, em Gonçalves. A cidade faz divisa com ...

    Sobre Machu Picchu e outras histórias

    Há duas décadas atuando como professor de Inglês e há cinco anos no ICBEU, ...

    Melhores dicas para fotografar sua viagem

    Quem não gosta de viajar? Com o constante avanço da tecnologia nas máquinas digitais, ...